Whistler, British Columbia/Canadá – Diversão garantida o ano todo

Localizada pouco mais de 100 quilômetros ao norte de Vancouver, Whistler ficou ainda mais conhecida depois de ter sido uma das sedes dos Jogos de Olímpicos de Inverno de 2010. A pequena cidade recebe milhares de visitantes por ano e oferece muitas opções de atividades ao ar livre, hospedagem, compras e restaurantes.

As atrações principais ficam por conta dos esportes de inverno, já que a cidade possui uma das estações de esqui mais famosas do Canadá. As mais de 200 trilhas estão dispostas entre as Whistler e Blackcomb Mountains e são facilmente acessíveis desde a vila por intermédio de teleféricos e cadeiras. As montanhas estão interligadas – Peak 2 Peak – e possuem pistas para todos os níveis de habilidade. Passes podem ser comprados para um dia ou para uma temporada inteira. A Blackcomb Mountain ainda conta com um excelente restaurante – o The Rendezvous –, perfeito para relaxar e recarregar as energias, enquanto se admira a incrível vista.

15 dias nada convencionais pela República Dominicana

Que foi Cristóvão Colombo quem descobriu a América ninguém tem dúvida. Mas o que nem todo mundo sabe é que foi na República Dominicana onde o explorador desembarcou pela primeira vez no continente americano, formando assim o primeiro assentamento europeu permanente na América. Aliás, isso justifica os tantos “primeiros” de lá: a Capital Santo Domingo como primeira capital do Império Espanhol no Novo Mundo; a Catedral Primada de América como a primeira catedral do continente etc.

Ottawa – Do Parliament Hill ao Cookie do Obama

Não raras vezes esquecida dos roteiros daqueles que dão preferência às vizinhas Toronto, Quebec e Montreal, Ottawa é conhecida por ser “apenas uma cidade burocrática”, uma vez que é a capital do Canadá e abriga a sede do Poder Legislativo. No entanto, mesmo carregando essa fama, é uma cidade que merece estar no itinerário de todo e qualquer viajante.

Meus dias por lá tiveram um toque especial: fiquei hospedado na casa de uma família de amigos brasileiros – Gustavo, Fabíola, Gabryela e Ahron – os quais me receberam muitíssimo bem, além de terem me emprestado o carro, mostrado a cidade, buscado no trem, etc… Pessoas incríveis!! Meu muito obrigado, de novo!

Buffalo, NY – Lar das originais “chicken wings”

Buffalo está longe de constar na lista das “queridinhas da América”. Para muitos é apenas uma pacata cidade do estado americano de New York. No entanto, Buffalo possui uma localização estratégica e privilegiada: fronteira com o Canadá, às margens do Lake Erie, a não mais do que 30 minutos das impressionantes Cataratas do Niágara.

A cidade apresenta várias curiosidades, a começar pelo seu nome. Reza a lenda que Buffallo provém de beau fleuve (rio bonito, em francês). Mas é apenas uma suposição, sem nenhumaprova concreta. Outra curiosidade é o fato da cidade ter sido a primeira dos Estados Unidos a ter uma rua iluminada com energia elétrica, vindo da usina instalada no Rio Niágara. Essa sim você pode acreditar

Uma volta pela mais francesa das cidades canadenses: a charmosa Québec

Capital da província que carrega o mesmo nome, Québec é, sem dúvida, a mais francesa das cidades do Canadá. Embora parte dos habitantes fale inglês – com um sotaque bastante marcado , a língua oficial é a francesa.

Québec é bastante fácil de ser visitada. É, basicamente, dividida em duas partes: cidade nova e antiga. Essa última é a mais intrigante, pois preserva a parte histórica e o verdadeiro estilo quebecois.

Anões voadores, chaves de braço, bombados de collants e máscaras… Tudo isso e muito mais só na genuína Lucha Libre Mexicana

Se a proposta é ir a uma divertida e típica atração mexicana não há melhor programa do que assistir a uma tradicional Lucha Libre.

A luta é caracterizada pelos excêntricos lutadores mascarados e por seus golpes exagerados. O combate, na verdade, está mais para um espetáculo teatral do que propriamente uma batalha. Os lutadores – ou atores ­– exibem seus talentos através de ousadas performances de acrobacias e saltos mortais, inclusive para fora do ringue.

16 programas legais para fazer em New York

Quem nunca teve vontade de conhecer Nova Iorque que atire a primeira pedra! Não é pra menos, pois a Big Apple invade nossas vidas diariamente através de filmes, seriados, músicas e de inúmeras outras formas.

Não vou me atrever a descrever New York. Acredito que nem mesmo vivendo uma vida inteira lá seja possível fazer isso, pois a cidade se reinventa a cada dia. Tampouco tenho a pretensão de esmiuçar cada atração, dar reviews de cada hotel ou restaurante, muito menos ditar o que você deve fazer por lá. Isso tudo deixo a cargo dos excelentes guias de viagens disponíveis no mercado.

Mas afinal, por que estou escrevendo este post então?

Procurando um bom lugar para se hospedar em Sampa?! Já encontrou!

Vai a São Paulo e quer ficar em um lugar tão confortável quanto a sua casa?! Duvido encontrar melhor opção que o Lobo Urban Stay!

O Lobo Urban Stay é um espaço diferenciado, cuja proposta é justamente fazer com que você se sinta em casa. E isso é cumprido com muita maestria pelos proprietários Henrique e Paula. Eles simplesmente fazem de tudo para honrar o lema do hostel. Muito gente boa e atenciosos, estão sempre disponíveis para ajudar com as necessidades dos viajantes, além de darem aquelas dicas matadoras que só os locais sabem.

Foca na viagem – Cape Cross Seal Reserva – Namíbia

Localizada dentro do Dorob National Park, na costa oeste da Namíbia, a Reserva de Focas do Cabo Cross (Cape Cross Seal Reserve) é o lugar perfeito para você se encantar com uma gigantesca população de focas, as quais aproveitam toda a segurança e proteção para se alimentarem, descansarem e, principalmente, cuidarem de seus filhotes.

É considerada uma das maiores colônias de focas do mundo. Na época de reprodução, que acontece em dezembro, o local pode abrigar aproximadamente 100 mil animais – É foca pra caramba!!!

Tudo o que você precisa saber sobre as Cataratas do Niágara

Nem preciso dizer que a grande atração aqui são as impressionantes quedas d’água, certo?! Tudo gira em torno delas. Sabendo disso, vale explicar alguns dados interessantes sobre as Cataratas do Niágara, que são, senão a mais, uma das mais famosas do mundo.

Na verdade, as Cataratas do Niágara são o conjunto de 3 outras cataratas: Americana, Canadense e Véu de Noiva. As duas primeiras se chamam dessa forma pelos países as quais pertencem. Já a última se chama Véu de Noiva pela semelhança com o véu de uma noiva (quanta criatividade, hein!?!). Elas estão localizadas no Rio Niágara (faz sentido, não?!), entre os lagos Erie e Ontário.