Mergulhando com tubarões em Bahamas

Já pensou em mergulhar para alimentar Tubarões?

Caso sua resposta seja sim, fique sabendo que em Nassau, nas Bahamas, isso é possível!

A brincadeira começa já no primeiro mergulho, quando uma infinidade de tubarões – Caribbean Reef Sharks e/ou, às vezes, Tiger Sharks -, sabendo que a hora do “almoço” está próxima, lhe seguirá praticamente durante toda sua imersão.

Pode parecer assustador, mas na verdade é bem tranquilo. Os “bichões” são apenas curiosos e, para nossa felicidade, não estamos dentre os pratos prediletos deles (ainda bem!).

Na segunda imersão a coisa fica ainda mais interessante! Diferentemente dos mergulhos convencionais, cujo objetivo é explorar uma determinada área, os mergulhadores aqui não se movimentam, permanecendo ajoelhados no fundo de areia. É formado um semicírculo, enquanto um profissional se posiciona ao centro, conduzindo uma caixa recheada de iscas. Com ajuda de uma haste – pole spear –, ele começa a lançar os restos de peixe e o resultado você já deve estar imaginando: é um verdadeiro ataque de tubarões!

O show dura apenas uns 30 minutos, mas é o suficiente para que você aprecie o ofensivo instinto de sobrevivência daqueles animais. Quando o alimentador se retira, os tubarões também se vão. Aí é quando os mergulhadores começam a busca por dentes que os tubarões podem vir a perder durante a batalha pela comida.

Deu vontade? A Stuart Cove´s faz a saída todos os dias, às 13 horas. O requisito é ser mergulhador certificado e estar com roupa de mergulho completa. O preço é US$ 170 (maio/2013) e inclui cilindro e lastro. Caso você não tenha, há equipamento para aluguel disponível no local. Fotógrafos profissionais documentam tudo e você pode comprar as fotos e/ou vídeos que quiser. Você pode, inclusive, levar sua própria câmera, se assim preferir.

Muito mais que um mergulho, é uma verdadeira experiência. Recomendo!

E aí, vamos mergulhar?

Shark feeding no Shark Arena, Bahamas
Rodrigo Siqueira

Rodrigo Siqueira

Gaúcho, advogado por formação, instrutor de mergulho e mochileiro por opção. Acredita no turismo simples, sem frescuras. Viaja não só para visitar lugares, mas também para conhecer diferentes culturas, interagir com o povo local e experienciar o novo. Não consegue mais não viajar. Sempre com um mapa à mão, pronto para escolher o próximo destino.
Rodrigo Siqueira

Related Posts